Publicidade

Casos de polícia

Argentino com suspeita de coronavírus agride zelador


Postada em 16/03/2020 às 15:46
Por Revista Área Comum

Reprodução

Um personal trainer argentino, de 40 anos, agrediu o porteiro de seu prédio na cidade de Vicente López quando o funcionário tentou impedir que ele saísse de casa no último sábado (14). O morador voltou recentemente de uma viagem aos Estados Unidos e estava com sintomas da doença. Um vídeo que registrou a violência circula pelas redes sociais.


Pelas imagens, é possível ver que o personal trainer dá cerca de 20 socos na cabeça e nas costas do porteiro, que sofreu fraturas no nariz.


O presidente da Argentina Alberto Fernández se pronunciou sobre o caso em uma rádio local e disse que, se for preciso, vai até o prédio em que o homem mora para trancá-lo em casa. “Seremos absolutamente inflexíveis com os irresponsáveis. Não se pode ser tão idiota”.


Até o momento, há 56 casos da doença no país e duas mortes. As fronteiras estão fechadas, as aulas, eventos públicos e jogos de futebol estão suspensos. Há ainda recomendação de distanciamento social e ordem para que os argentinos que tenham estado em países de risco cumpram quarentena de 14 dias.