Família confessa morte de idosa em apartamento; motivo seria indenização de R$ 350 mil

Casos de polícia São Paulo

A idosa Marivalda dos Santos, de 61 anos, foi encontrada morta em seu apartamento, em Itaquaquecetuba, na Grande São Paulo, com sinais de estrangulamento no último sábado (22). A filha, 36, o genro, 25, e a neta, 19, foram presos. Uma outra neta, de 14 anos, também foi apreendida.

Por volta das 11h30, a polícia foi acionada para atender a ocorrência no bairro Jardim Americano. No local, a filha da vítima disse aos agentes que encontrou a mãe desacordada no quarto. No entanto, a idosa tinha marcas de agressão no pescoço.

Em conversas com os vizinhos, a polícia descobriu que foram ouvidos barulhos no apartamento durante a noite, e que recentemente Marivalda vinha discutindo com a filha e netas por causa de uma indenização de R$ 350 mil.

Ao questionar a neta mais velha, ela confessou que a mãe e o companheiro dela haviam cometido o crime. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública, o homem também assumiu que matou a idosa, juntamente com a mulher e as duas netas.

Os três adultos foram presos em flagrante por homicídio qualificado e a adolescente foi apreendida por ato infracional.

Deixe um comentário